Previdência blindada do escândalo “vaza jato”? É a esperança do mercado

No #MorningCall desta terça-feira (11), Vanessa Gonçalves conversa com Marco Bismarchi, sócio e gestor da TAG Investimentos. A semana começa ao contrário da anterior: cenário local mais agitado e mercado externo dando sinais de otimismo. Enquanto no Brasil todos estão de olho em como o escândalo da Vaza Jato pode influenciar e até barrar o andamento da reforma da Previdência, no exterior todos respiram aliviados com o entendimento entre Trump e o governo do México sobre a questão imigratório, derrubando a taxação de produtos. China e Japão iniciam o dia com forte alta nas Bolsas, animados com uma possível trégua na guerra comercial China x EUA no encontro no G-20, no fim do mês. No Brasil, a expectativa segue em torno dos desdobramentos do impacto político do vazamento da conversas entre Moro e Dallagnol realizado pelo Intercept e em como isso pode refletir nas reformas. Para Bismarchi, o Congresso blindou o assunto dos ruídos políticos e o mercado espera exatamente que isso aconteça, o que deve refletir numa melhora da Bolsa brasileira nesta terça.