“MP DA FOME”: PRESSIONADO, BOLSONARO DESISTE DE SUSPENSÃO DE SALÁRIO

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

No Dinheiro na Conta, Gabriela Lisbôa e Nelson Garrone conversam sobre mais um recuo do presidente Jair Bolsonaro. Ele disse que vai retirar da Medida Provisória o artigo que autoriza o empregador a cortar 4 meses de salário do empregado. A medida foi chamada de MP da Fome. Juliana Braga explica como o texto foi recebido no Congresso. No giro pelo mundo, brasileiro que está no Peru conta como está difícil voltar para casa. E uma brasileira que está no Chile conta como os chilenos receberam as ações do governo de combate ao vírus.

LEIATAMBÉM