STF x Bolsonaro. Quem vigia quem?

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Numa democracia, os três poderes são independentes e funcionam em harmonia. Mas não é bem isso o que está acontecendo. Existe muito ruído nesse triângulo desamoroso no Brasil. O STF voltou ao trabalho depois do recesso e já voltou peitando o Executivo. Primeiramente, manteve a demarcação de terras indígenas com a Funai, contrariando uma medida provisória do presidente que transferia essa responsabilidade ao Ministério da Agricultura.  Depois, o ministro Luís Roberto Barroso deu a Bolsonaro duas semanas para explicar o que disse sobre o pai do presidente da OAB, Felipe Santa Cruz. Pra completar, o ministro Luiz Fux determinou que as mensagens obtidas pela Operação Spoofing, a que prendeu os hackers da Vaza Jato, não podem ser destruídas, contrariando Sergio Moro. Afinal, nesta guerra entre STF e Bolsonaro, quem vigia quem?

 

LEIATAMBÉM