Bolsonaro interfere em órgãos de investigação

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

No #SemPolitiquês, Bruno Boghossian, jornalista da Folha de S. Paulo, fala sobre as interferências de Bolsonaro na Polícia Federal, na Receita Federal e no Coaf. O presidente pode escolher seus subordinados, mas Bolsonaro queimou etapas. Ele indicou nomes que normalmente seriam escolhidos pela direção das entidades. Portanto, entenda qual o papel de cada instituição, a importância de manter estes órgãos blindados de interferências políticas e as conexões de trabalho entre eles no rastreamento do dinheiro da corrupção.A companhe as últimas informações sobre a indicação do novo Procurador-Geral da República. E, por fim, também veja de que maneira as interferências do presidente afetam a estrutura do ministro da justiça Sérgio Moro.

LEIATAMBÉM