Dodge pede federalização do caso Marielle; medida defendida pelo ex-ministro Jungmann

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Raul Jungmann, ex-ministro da Justiça quando Marielle Franco e Anderson Gomes foram assassinados, conta com exclusividade os bastidores do caso. O assassinato completou 1 ano e meio. No último dia 17 de setembro, uma das última ações ex-Procuradora-Geral da República, Raquel Dodge, antes de deixar o posto, foi solicitar a federalização do caso, tirando a competência das investigações da Polícia Civil, passando para a Polícia federal. Veja o trecho do Dinheiro na Conta, com Juliana Causin.

LEIATAMBÉM