balão MyNews Investe
Indicações de aplicações financeiras pelos convidados do programa
inflação

Como proteger seus investimentos em tempos de inflação alta?

Arnaldo Curvello, sócio-diretor da Galápagos fala sobre os melhores investimentos em tempos de aumento de preços de bens e serviços
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

Na manhã desta quarta-feira (14), o presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto afirmou que não vai mudar o plano monetário a cada alta da inflação, mas deu ênfase que a taxa básica de juros será levada até onde precisar para alcançar a meta da inflação, nas palavras dele: “Vamos levar a Selic aonde precisar, mas não vamos reagir sempre a dados de alta frequência”.

No acumulado de 12 meses, a inflação chegou a 9,68% e, de janeiro a julho, é de 8,99%. Em entrevista ao MyNews Investe, o sócio-diretor da Galápagos, Arnaldo Curvello, comentou que dessa vez Campos foi mais suave que em sua manifestação anterior, quando disse que fariam qualquer coisa para trazer a inflação para o centro da meta.

Superfundos
Investimentos atrelados à inflação ou ao Tesouro Direto podem ser interessantes/Imagem: Pixabay

Com inflação chegando a dois dígitos, uma forma de proteger os investimentos é colocar os recursos em investimentos atrelados à inflação ou ao Tesouro Direto. “Em função do cenário de inflação, ainda gosto dos títulos de renda fixa que estão atrelados à inflação ou ao tesouro, onde se você pegar um título de 5 anos do Tesouro, ele tem uma inflação mais 4,5%,  que é bastante interessante”.

Curvello acrescenta que no Tesouro Direto existem alternativas de títulos isentos de Imposto de Renda e que essa condição faz diferença quando a inflação está alta. “A inflação dos últimos 12 meses foi próxima de 9,7%, ou seja, quase 10%. No título que paga 20% de Imposto de Renda, pagou 2% só de imposto sobre inflação; num título isento você ganha 2% a mais, além de todo o excedente da inflação, isento de imposto. CRIS, CRAS e as debêntures incentivadas ganham ainda mais competitividade no ambiente de inflação alta”.

Investimentos em títulos é mais seguro do que algumas pessoas pensam

Mesmo assim, ainda há pessoas que têm medo de investir em títulos do governo em tempos de incertezas, pensando na possibilidade de o governo dar o calote na hora de pagar o que o investimento prometia e medo até mesmo de resgatar um valor menor do que colocou no início do investimento. Curvello argumenta que o governo tem uma coisa que ninguém mais tem: a possibilidade de imprimir mais dinheiro.

“Imaginar que o governo não vai deixar de honrar a dívida pública é quase impossível de acontecer e se você tiver um título de inflação, o que vai acontecer é a inflação voltar a subir. A gente sabe que se tiver um descontrole muito grande das contas públicas, a inflação vai subir e pode subir bastante. Não acho que é o cenário que a gente está vivendo agora, só que um título atrelado à inflação sempre vai te proteger, não haverá risco de calote, na minha opinião, é pouquíssimo provável, para não dizer zero”.

Veja o MyNews Investe de segunda a sexta, a partir do meio-dia, no Canal MyNews.

Relacionadas
CONSTRUÇÃO CIVIL
Dúvida sobre solidez da Evergrande faz alguns analistas preverem redução na expectativa de crescimento do mercado imobiliário e de construção na China de até 50%
fundo de ações
Apesar do pouco tempo de atividade, fundo de ação já capitaliza uma rentabilidade superior a 7%, mesmo com as recentes quedas da bolsa
APOSENTADORIA
O advogado Flávio Perón explica que é necessário, além da documentação, comprovar uma renda mínima, para morar legalmente em Portugal
inflação
Alta da inflação para classes mais pobres foi impulsionada principalmente pelo grupo de alimentação
BRASIL
Segundo instituição, PIB apresentou segundo mês seguido de alta, mas crescimento está desacelerando. Entre o G-20, Brasil tem o terceiro pior desempenho
ibovespa
Bolsa inicia a semana com alta, depois de fechamento com forte queda na semana anterior. Filipe Villegas, da Genial Investimentos, analisa o cenário
Inscreva-se na newsletter

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e Política de Cookies. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.