NOVO DECRETO

Ceará anuncia retomada da economia com lockdown aos fins de semana e toque de recolher

Anúncio foi feito pelo governador Camilo Santana (PT) em transmissão ao vivo no Facebook
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

O governador do Ceará, Camilo Santana (PT), anunciou neste sábado (10), por meio de uma live transmitida no Facebook, um novo decreto de isolamento social no Ceará. O documento, que começa a vigorar a partir de segunda-feira (12), traz uma série de orientações para a retomada da economia: como a adoção do lockdown apenas aos fins de semana e o toque de recolher diário.

De acordo com o governo, os indicadores da pandemia analisados pelo comitê do estado apresentam tendência de redução no número de casos de covid-19. Com isso, as ações no sistema de saúde possibilitam a reabertura de forma gradual de setores que estavam fechados de segunda a sexta-feira.

Ceará anuncia retomada da economia com lockdown aos fins de semana e toque de recolher. Foto: Redes sociais/Camilo Santana

O novo decreto apresenta as seguintes determinações:

  • Serviços não essenciais retornam às atividades de forma gradual a partir de segunda-feira (12);
  • Isolamento social rígido (lockdown) continua aos fins de semana;
  • Toque de recolher deve ser feito das 20h às 5h diariamente;
  • Algumas atividades funcionarão em horários alternados. O comércio de rua funcionará entre 10h e 16h; shoppings e restaurantes abrirão de 12h às 18h. A ideia é reduzir a lotação no transporte público;
  • Estabelecimentos poderão funcionar com capacidade máxima de 25% do público;
  • Igrejas e templos religiosos poderão receber até 10% da capacidade máxima;
  • Escolas da educação infantil poderão ampliar o funcionamento presencial para crianças de 4 e 5 anos;
  • Escolas estão autorizadas a funcionar com limitação de 35% da capacidade. A decisão é aplicada para a educação infantil (4 e 5 anos) e para 1º e 2º anos do ensino fundamental;
  • Espaços públicos e condomínios particulares seguirão restritos.

O governador cearense reforçou alertas e cuidados durante a transmissão na rede social. “Reforço que a situação ainda é de alerta, com muita gente precisando de atendimento médico. Não podemos relaxar. Essa abertura gradual só poderá prosseguir com todos os cuidados sendo tomados. Vamos evitar aglomeração e sempre usar máscara.”, salientou.

Na live, o secretário de Saúde do Ceará, Dr. Carlos Roberto Martins Rodrigues Sobrinho, apresentou os números de covid-19 no estado através de gráficos.

De acordo com o anúncio, as informações sobre outros serviços serão divulgadas no decreto que deve ser publicado ainda neste sábado, no Diário Oficial do Estado.

Inscreva-se na newsletter
Relacionadas
Conteúdo patrocinado
Existem alternativas ao sistema público de previdência, confira no Guia do Cooperativismo Financeiro do Sicoob
CORTE NO ORÇAMENTO
Com corte no orçamento, universidades podem paralisar atividades no segundo semestre. Segundo Andifes, nenhuma instituição chega ao fim do ano com verba atual
Meio Ambiente
Desmatamento afeta regime de chuvas, o que prejudica produtividade e causa prejuízos. Estudo brasileiro foi publicado na “Nature Communications”
Comércio
Pesquisa mostra que 19% vão fazer PIX para suas mães. Itens mais citados foram roupas e acessórios
Teorias da conspiração
O deputado federal Fausto Pinato questiona a sanidade mental do presidente e diz que o Brasil está se isolando do mundo
TAXA DE JUROS
Elevação de 0,75 ponto percentual já era esperada pelo mercado. Alta foi motivada pela inflação

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e Política de Cookies. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.