MARTE

Veja as imagens impressionantes enviadas pelo robô da Nasa que pousou em Marte

Rover Perseverance desceu no planeta vermelho e já está trabalhando. Imagens coloridas e em alta definição são inéditas
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp

A Nasa conseguiu pousar em Marte o veículo mais sofisticado da história espacial, uma espécie de robozinho chamado Perseverance, na quinta-feira, dia 18 de fevereiro. O Rover, como também é conhecido o veículo, possui 19 câmeras acopladas ao seu corpo e começou a enviar imagens coloridas e em alta definição da superfície do planeta no dia seguinte. Confira acima as fotos compartilhadas pela Agência Espacial Americana, a Nasa.

O geofísico, doutor em geociências e pesquisador da Unicamp Sérgio Sacani conversou com o My News sobre as tarefas do Perseverence.  “Primeiro a Nasa enviou dois robôs para descobrir evidências da existência de água em Marte. Com o Spirit e o Opportunity (2004), tivemos a certeza de que existe água em Marte. Mas nem toda água permite a possibilidade de vida. Então a agência mandou o Curiosity (2012), para investigar se a água encontrada garantiria condições para desenvolver vida. E confirmou-se que sim.  Agora, com o Perseverence, a Nasa está procurando os resquícios dessa vida”, explica Sacani, que também pilota o canal Space Today no Youtube.

A missão Mars 2020, que enviou o robozinho fotógrafo, busca sinais fósseis de que o planeta tenha sido habitado na época em que era mais azul, como a Terra, entre 4 a 3 bilhões de anos atrás. A ideia é entender melhor o passado e o ambiente de Marte antes de tentar encontrar vida no presente. Segundo Sacani, tudo indica que a rocha da cratera onde o robô pousou é a mesma rocha encontrada no pré-sal brasileiro, formada por microorganismos que vão morrendo, se empilhando, cobrindo e sedimentando.

Perguntado se acredita em marcianos, Sacani riu e explicou: “Não, mas se provarmos que a rocha de lá é a mesma que existe aqui, então fica provado que houve vida em Marte.” Na terça-feira, dia 23 de fevereiro, Sergio Sacani vai participar do Almoço do My News e contar histórias saborosas das viagens que fez pelo mundo para observar fenômenos no céu ou acompanhar lançamentos de foguetes. “Me apaixonei por astronomia por causa do cometa Halley, em 1986, e não parei mais”, conta.

Assista à simulação computadorizada feita pela Nasa de como seria o pouso do robozinho em Marte.

Relacionadas
Missiva pede ação de autoridades nacionais, ONU e Tribunal Penal Internacional contra o presidente
Fome
Líder comunitário relata aumento na procura por alimentos com fim do auxílio emergencial e disparada do desemprego
Líderes religiosos
É a primeira viagem internacional do Sumo Pontífice desde o início da pandemia de covid-19
COVID-19
Diretor-geral da OMS pediu “medidas agressivas” para conter contaminação no Brasil e alertou que situação do país afeta nações vizinhas
Francisco é o primeiro pontífice na história a pisar em solo iraquiano.
Família Real
Princesas Elena e Cristina admitiram ter furado a fila da vacinação para visitar rei emérito, gerando críticas à monarquia

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e Política de Cookies. Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.